Uma tentativa, sabida vã, de dar significação à vida.
Uma certeza de, na junção das letras, conferir à vida o meu significado.

29 de setembro de 2011

Lucidez

O beijo, de Gustav Klimt (1907-1908)
180 x 180 óleo e folha de ouro sobre tela



"Um corpo quer outro corpo.
Uma alma quer outra alma e seu corpo."
(Adélia Prado)


Plena de lucidez
anseio pela loucura: eu-ele
nessa embriaguez
de dois em um, um em dois.

Uma, una: alma pura.


(Rio de Janeiro, 23 de agosto de 2006)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por seu comentário. Volte sempre!